Dificuldades de aprendizagem? Conheça o programa Neurolearning

Estima-se que as dificuldades de aprendizagem afetem cerca de 5% a 15% da população mundial, sendo uma das principais causas de inadaptação e insucesso escolar, com possíveis consequências na idade adulta.

Quando não diagnosticadas e tratadas adequadamente, as crianças que apresentam dificuldades de aprendizagem entram numa espiral de insucesso académico, desmotivação, baixa auto-estima, o que pode dar origem a perturbações do humor e/ou comportamentais mais graves.

A identificação precoce é uma das estratégias mais eficientes na minimização das suas consequências, proporcionando uma intervenção adequada e apropriada a cada caso.

Dificuldades de aprendizagem: O que são?

De acordo com o National Joint Committe of Learning Desabilities (1994), “dificuldades de aprendizagem é um termo genérico que diz respeito a um grupo heterogéneo de perturbações manifestadas por problemas significativos na aquisição e uso das capacidades de escuta, fala, leitura, escrita, raciocínio ou matemática.

Estas perturbações, presumivelmente devidas a uma disfunção do Sistema Nervoso Central, são intrínsecas ao indivíduo e podem ocorrer durante toda a sua vida”.

Quais os principais Sinais de Alerta?

Os principais sinais de alerta que fazem suspeitar de uma possível dificuldade de aprendizagem são:

  • Dificuldades de atenção e concentração
  • Esquecimento fácil
  • Discurso confuso e desorganizado
  • Inversão, omissão, adição de letras a falar e/ou escrever
  • Troca de palavras a ler
  • Muitos erros na escrita
  • Confusão com os sons que compõem as palavras
  • Dificuldades na compreensão de textos ou naquilo que os outros dizem
  • Dificuldades na realização de operações aritméticas e na ordenação espacial dos números
  • Dificuldade na interpretação e resolução de problemas matemáticos
  • Perda e desorganização do material escolar
  • Dificuldades em gerir o tempo e terminar tarefas
  • Problemas de comportamento, baixa auto-estima e frustração
  • Desinteresse e desmotivação com a escola

Tratamento: Conheça o Programa Neurolearning

O cérebro é por excelência o órgão da aprendizagem, e a escola e os pais são os principais intervenientes na educação das crianças. Tendo isto em mente, a nossa filosofia é a colaboração e comunicação constante entre os profissionais que fazem parte da nossa equipa, os pais e os agentes educativos, tendo como princípios os mais recentes conhecimentos das neurociências aplicados tanto à clínica como à educação.

Desta forma, conseguimos fornecer apoio com ferramentas e estratégias que optimizem o processo ensino-aprendizagem, melhorem as competências necessárias para que as crianças aprendam com mais facilidade, diminuam a frustração e atinjam mais facilmente os objetivos académicos.

O que tratamos?

  • Dificuldades específicas de aprendizagem (dislexia, disortografia, discalculia)
  • Perturbações especificas do desenvolvimento da linguagem
  • Perturbações da articulação verbal
  • Perturbação de hiperactividade e défice de atenção (PHDA)
  • Perturbação de aprendizagem não-verbal
  • Perturbação específica no desenvolvimento da coordenação motora
  • Défice cognitivo
  • Patologias que afetem o neurodesenvolvimento (síndromes genéticas, epilepsia, entre outros)

Se quiser saber mais sobre o programa Neurolearning, contacte-nos através do formulário abaixo: