Neurother: um novo tratamento para a depressão

Estima-se que entre 10% a 15% da população adulta tem uma Perturbação Depressiva Major todos os anos. Os medicamentos e a psicoterapia são eficazes para a maioria destas pessoas, no entanto, aproximadamente 30% dos pacientes não apresentam melhoria clínica significativa, pelo que são considerados “resistentes” aos psicofármacos.

Tal resistência é combinada com disfunção social e ocupacional, deterioração da saúde física e ideação suicida, entre outras consequências.

A necessidade de desenvolver tratamentos mais eficazes para pacientes deprimidos que não respondem suficientemente ao tratamento com medicamentos, e as possibilidades oferecidas pela estimulação magnética transcraniana (EMT), têm fomentado a investigação sobre novas estratégias terapêuticas para enfrentar este problema de saúde.

A clínica Neurovida, utiliza uma combinação de protocolos de EMT e técnicas de psicoterapia de eficácia comprovada, os quais fazem parte do programa NEUROTHER, que explicamos a seguir.

Combinar Estimulação Magnética Transcraniana e Psicoterapia é realmente uma boa ideia?

Aproximadamente 30% dos pacientes tratados com psicoterapia e antidepressivos não apresentam melhoria clínica significativa. A estimulação magnética transcraniana, por outro lado, mostrou-se eficaz naqueles que não respondem aos antidepressivos, com taxas de remissão e resposta clinicamente significativas.

Sendo assim, as investigações demonstram que uma combinação de EMT e psicoterapia resulta numa taxa de remissão maior do que a obtida com cada técnica separadamente. Estes efeitos foram verificados na maioria dos pacientes tratados.

Consequentemente, a Neurovida iniciou em 2017 o seu programa de cuidados multidisciplinares NEUROTHER, com o objectivo de obter uma maior taxa de remissão da Depressão nos doentes resistentes.

Até à data, foram realizadas mais de 1000 sessões de tratamento, confirmando o sucesso esperado.

Como é realizado este tratamento?

O nosso programa consiste em 3 fases sucessivas:

1. Avaliação dos candidatos ao tratamento

A avaliação começa com uma consulta de triagem onde o diagnóstico é confirmado, e são excluídos factores que contraindicam o tratamento por EMT. Em seguida, um médico especialista em Psiquiatria revê a situação clínica e define se o paciente necessita de EMT, indicando ainda a dose, frequência, intensidade, bem como outros parâmetros da intervenção.

A avaliação conclui com uma consulta de Psicologia Clínica e a realização de um estudo de mapeamento cerebral por Eletroencefalografia (qEEG). Todo o processo de avaliação tem a duração, no máximo, de uma semana, desde a triagem até à decisão de tratamento.

2. Fase de tratamento intensivo

O EMT é um tratamento seguro, sujeito ao cumprimento das normas internacionais dos equipamentos técnicos, protocolos de estimulação e recomendações de segurança.

Nesta fase, o tratamento será administrado diariamente, de segunda a sexta-feira, durante 10 sessões. Desta forma, pode demorar 2 semanas (uma sessão por dia) ou uma semana (duas sessões por dia). Cada sessão de EMT dura entre 20 e 40 minutos.

O tratamento por EMT é complementado com psicoterapia, 2-3 vezes por semana. A psicoterapia consiste em métodos baseados em evidências, principalmente a terapia cognitivo-comportamental (TCC), contudo, a abordagem é adaptada às necessidades clínicas do paciente. Cada sessão de psicoterapia tem uma duração de 45 minutos.

3. Fase de consolidação

O número total de sessões nesta fase é orientado por decisões clínicas e, portanto, varia para cada paciente. Como regra geral, são entre 10 e 20 sessões de EMT, duas ou três vezes por semana. Simultaneamente, as sessões de psicoterapia podem ser entre 5 e 10 sessões, nesta fase.

Quais são os resultados e efeitos esperados?

A maioria dos pacientes beneficia da combinação de EMT e psicoterapia, mostrando melhoria clínica a partir da terceira semana de tratamento (aproximadamente após 10 sessões de tratamento). Alguns pacientes podem obter resultados em menos tempo, enquanto outros podem demorar mais.

Se quiser saber se este tratamento pode ser benéfico para si, pode consultar-nos através do seguinte formulário: