Conheça estes 5 passos para ajudar quem sofre de ataques de pânico

Um Ataque de Pânico é caracterizado por fortes sensações fisiológicas que levam a pessoa a sentir que vai morrer ou perder o controlo. Este é um dos problemas emocionais que causa maior dor psicológica, não apenas pela intensidade dos sintomas, mas pelo impacto na vida pessoal, familiar e até profissional.

Um Ataque de Pânico pode demorar vários minutos e alguns dos principais sintomas são:

  • Dor no peito
  • Dificuldade em respirar
  • Calafrios
  • Tremores
  • Taquicardia
  • Boca seca
  • Tonturas

Se tem Ataques de Pânico, saiba que pode encontrar ajuda para esta condição ao ser acompanhado em psicoterapia. No entanto, se for familiar, amigo ou colega de alguém que sofre de Ataques de Pânico, deixamos algumas sugestões para o/a poder ajudar:

  1. Valorize as queixas e leve a pessoa para um ambiente calmo e seguro, longe daquilo que a possa estar a perturbar
  2. Ajude a pessoa a controlar a sua respiração, através de inspirações e expirações longas
  3. Seja paciente e fale de forma calma, relembrando a pessoa de que é um episódio transitório e que nada de mal vai acontecer
  4. Caso a pessoa sinta que precisa ir ao hospital, respeite a sua vontade e acompanhe-a ou chame ajuda médica
  5. Encoraje a pessoa a procurar um profissional de saúde mental para a acompanhar o mais cedo possível

Atenção!
Caso tenha dúvidas de que realmente se trata de um ataque de pânico, procure assistência médica, pois os sintomas podem ser muito semelhantes aos de um ataque cardíaco.